segunda-feira, maio 10, 2010

BENFICA CAMPEÃO!

I
Abram alas, vai passar
A equipa sensação ,
Com a magia de Aimar
E a calma do Luisão.

II
Joga o Maxi à direita,
Pela esquerda o Coentrão,
O Weldon do banco espreita
A hora da decisão.

III
Quim, goleiro de raça,
Atento às desmarcações,
Cedeu o lugar na taça
Para serem campeões.

IV
Júlio César e Moreira,
Suplentes de mãos dadas,
Assistiram na cadeira
Às chorudas goleadas.

V
Kardec e Eder Luis
Vieram p'ra reforçar,
Mas com David Luiz
Era sempre p'ra ganhar.

VI
Nuno Gomes esteve sempre
nos momentos decisivos,
Mantorras, herói presente,
Tem o troféu merecido.

VII
Rúben Amorim sorria
Cada vez que a bola entrava,
Já que o Javi Garcia
P´rá frente tudo empurrava.

VIII
Miguel Vítor, suplente,
Com o Sidney a seu lado,
Airton esteve presente,
Cumpriu quando chamado.

IX
Luís Filipe e Peixoto
Deram ar da sua graça,
Vindos do clube minhoto
Que também se fez à taça.

X
O Ramires, que mestria,
Pondo a bolinha a rolar
Para os pés do Di Maria
E o público a delirar.

XI
Saviola, pois então,
Dá gosto vê-lo jogar,
Martins com seu pé canhão
E Cardoso a fuzilar.

XII
Com toda a Equipa em força
E Jesus a comandar,
Não há ninguém que os torça,
Sua sina é ganhar.

XIII
Que prazer e emoção,
Que alegria, afinal!
És, BENFICA, campeão,
O maior de PORTUGAL.

2010.05.08
(Poema elaborado por um grande Benfiquista no dia anterior à conquista!)

2 comentários:

Joel disse...

Excelente poema. CAMPEOES

O Amendoim disse...

Também já te encontras na nossa lista de blogs!

Abraço ;)


|32|