quinta-feira, outubro 19, 2017

Svilar

Ontem o Benfica recebeu na Luz o Manchester United para a 3ª jornada do grupo C da Liga dos Campeões. Vínhamos de duas derrotas, a última bem pesada, e tínhamos pela frente os todos poderosos "Red Devils". Era um jogo onde era importantíssimo pontuar mas acima de tudo, e tendo em conta a categoria do adversário, reagir. Por muito que se fale da saída de alguns jogadores e da não contratação de alternativas, aquilo que mais tem contribuído para os maus resultados do Benfica é a falta de atitude da equipa. E ontem era isso que eu mais queria ver nos jogadores e equipa técnica. Foram realmente efectuadas mudanças no onze e gostei da atitude da equipa na primeira parte. Já parecia outra vez o meu Benfica. Mas foi pouco. 

O Manchester acabou por dominar a posse de bola sem criar muitas oportunidades. O Benfica que apostou em pressionar alto e sair em contra-ataque, criou muito pouco perigo. Mesmo assim acho que o empate a zero se justificava. Mas a sorte também não quer nada connosco e atrai muito às equipas de José Mourinho. Acabamos por perder o jogo com um golo infeliz. E hoje é disso que se fala. 

Svilar fez a sua estreia na Liga dos Campeões e foi o guarda-redes mais novo a jogar na competição. O jogo que ficará na sua história acabou por ficar manchado, a sua participação ficou ligada à derrota pela infelicidade no golo sofrido. Este miúdo tem talento, muito talento. E quando assim é, seja novo, seja velho, o talento está lá independentemente da idade. Obviamente que o trabalho é que vai aprimorar as capacidades, sem isso não se pode evoluir. A dúvida que fica depois do jogo de ontem é se foi o momento certo para Svilar se estrear nesta competição. Tinha-se estreado pelo Benfica no fim-de-semana anterior na Taça de Portugal contra um clube de divisões inferiores. Foi lançado logo no jogo seguinte, num jogo de Champions, quase de tudo ou nada para o Benfica, depois de sofrer uma goleada nessa competição e contra um grande clube europeu. Espero que este menino tenha estrutura para aguentar e seguir em frente, parece-me que sim. E que o Benfica o ajude também. A sua atitude de pedir desculpa aos adeptos no final demonstra muita humildade. Fez aquilo que alguns não têm coragem ou humildade para o fazer quando deviam. Mas não era preciso. Por mim está mais do que desculpado. É futebol e acontece. Deu o seu melhor do início ao fim e esteve muito bem noutras ocasiões. Acho que no futuro estará ali mais um grande guarda-redes. Só lamento que, tal como outros, esteja aqui de passagem, pior, de curta passagem. Não me parece que vá ficar por cá muito  tempo, infelizmente o passado recente mostra-nos isso mesmo. Assim não podemos criar muitas ilusões para o futuro, apenas viver o presente.

Força Svilar!
Enquanto cá estiveres tenho a certeza que nos vais dar muitas alegrias!

Saudações Benfiquistas!

Sem comentários: