quarta-feira, março 01, 2017

Bis Grego como prenda

Hoje o Benfica ficou mais perto do Jamor. A vitória por 1-2 no Estoril coloca o Benfica em vantagem na meia-final. Vantagem não quer dizer que está garantido, até porque muitas vezes quem parte à frente também é alcançado. No entanto é sempre bom partir em vantagem, se a soubermos aproveitar aí sim pode ser meio caminho andado. 
O Estoril fez um bom jogo e não facilitou a vida ao Benfica que, em dia de aniversário, queria dar uma vitória como prenda a todos os adeptos. O primeiro do Benfica só surgiu ao minuto 35 pelo suspeito do costume, Mitroglou. O grego já leva 6 jogos consecutivos a marcar. Pouco depois, num lance onde Filipe Augusto se lesionou sozinho, Eliseu jogou a bola com a mão na área e o árbitro assinalou penalti que o Estoril converteu. Filipe Augusto acabou por sair, Rui Vitória foi obrigado a fazer a primeira substituição, fazendo entrar Pizzi que hoje estava no banco. O jogo foi assim empatado a 1 para o intervalo. Na segunda parte houve mais Benfica, mas o Estoril defendeu bem e pressionou alto criando até alguns lances perigosos de contra-ataque. O Benfica parecia ficar mais próximo do golo mas este apenas surgiu aos 89 minutos, bis de Mitrogolo. Neste lance Mitroglou parece ligeiramente adiantado em relação a Cervi mas o lance foi validado. Depois de já termos sido tão prejudicados não há motivos para falar de sermos beneficiados num lance em que Mitroglou está apenas ligeiramente adiantado. Ainda podíamos ter feito o terceiro com um lance de Zivkovic a passar muito perto da baliza e Raúl a não chegar a tempo. Mas o jogo terminou assim com vantagem do Benfica por 2-1.


Ainda na primeira parte tinha havido um golo anulado ao Benfica por fora de jogo posicional de Mitroglou que não tocou na bola. Muito bem assinalado não fosse a dualidade de critérios dos árbitros portugueses, parece que em lances favoráveis ao Benfica as regras são estas, em lances contra o Benfica as regras mudam. Enfim, futebol português a regressar aos seus tempos mais negros. Por lembrar isso queria só salientar também a transmissão da SportTv que neste jogo conseguiu por as linhas de fora de jogo. No fim-de-semana no jogo do Bessa não conseguiram por as ditas linhas. Supostamente domingo não havia condições. É no mínimo estranho que um estádio remodelado para o Euro2004 tenha menos condições para transmissões televisivas que o Estádio Coimbra da Mota do Estoril. 

O que interessa é que o dia de aniversário acabou com uma vitória muito importante. Ainda falta a segunda-mão em nossa casa para chegar ao Jamor. Mas estamos no bom caminho. A partir de agora é trabalhar para o próximo jogo, sábado em casa do Feirense. Mais uma final, só a vitória interessa!

Carrega Benfica!
Benfica! Benfica! Benfica dá-me o 36!

4 comentários:

Ricardo- águialivre disse...

Olá ana_slb

Sem dúvida uma grande dualidade de critérios a partir do jogo em que o Benfica empatou em casa com o Boavista 3 -3.
Um golo em que um jogador se fez à bola mas que nela não tocou, vindo depois a beneficiar da sua posição para marcar golo, aí valeu. Num lance anterior em que Jonas se fez à bola e depois Mitroglou marcou, NÃO VALEU, por fora de jogo de Jonas

Ontem mais uma vez assim foi embora fosse o Mitroglou o interveniente em vez de Jonas. Ou seja, com o lance do jogo do Boavista, fez JURISPRUDÊNCIA mas em lances que Não favoreçam o Benfica. Nós também nãoi queremos favores. Queremos sim, é que não nos prejudiquem.

O Benfica fez-se representar numa queixa ao Conselho de Arbitragem por factos que estão a prejudicar o Benfica e a favorecer o Porto. São factos indesmentíveis.

Ontem o árbitro auxiliar deixou passar o fora de jogo de Mitroglou que deu o 2º golo do Benfica. Muito estranho, parecendo inclusive ter sido feito de propósito. O Benfica não agradece nada disso. Queremos isso sim, isenção e respeito pelo clube.

Tirando isso, temos que pensar que ainda não estamos no Jamor. Falta um jogo, referente à 2.ª mão que, queremos e temos que ganhar. A partir daí sim. Pensar na final do Jamor que, lá chegados, é PARA GANHAR

Saudações Gloriosas.

ana_slb disse...

Concordo plenamente que o que nos queremos é isenção e respeito. Não queremos ser ajudados mas também não queremos ser prejudicados.
Obrigada pela visita.
Saudações Benfiquistas!

Nuno Filipe disse...

O Benfica não é o maior clube de Portugal. É o maior do MUNDO e isso, para os outros, faz toda a diferença. Bonito blogue.

ana_slb disse...

Obrigada Nuno Filipe! Continue a visitar o nosso blogue de apoio ao maior Clube do Mundo!

Saudações Benfiquistas!