sexta-feira, março 11, 2011

Ganhámos! E isso é o mais importante!

Ultimamente o "Diário de um Benfiquista" tem estado muito parado. E com muita pena nossa pois o momento que o Benfica atravessa merece todo o nosso apoio. E continuamos sempre a apoiar mesmo não o transcrevendo para o blog.

O Benfica vinha de uma série de 18 vitórias consecutivas e teve um acidente de percurso, no último domingo, em Braga. Não por sua culpa, mas por uma arbitragem vergonhosa previamente encomendada por alguém que anda a ver ursas polares.

Hoje o Benfica regressou às vitórias. Começou a perder mas deu a volta frente ao Paris Saint-Germain, na primeira mão dos oitavos-de-final da Liga Europa.

Durante a semana alguns jogadores estiveram em dúvida para o jogo de hoje, mas Jorge Jesus conseguiu apresentar os jogadores mais utilizados ao longo da época.

O Benfica entrou melhor melhor no jogo, mas depois cometeu alguns erros, talvez por nervosismo, e sofreu o golo muito cedo. O Benfica ainda ia tentando reagir, nem sempre da melhor maneira. Quando intensificou a pressão as oportunidades começaram a surgir e o golo apareceu. Pouco antes do intervalo, Carlos Martins descobriu Maxi Pereira na área, este recebeu com o peito e rematou para fazer o empate.

Na segunda parte, o Benfica procurou chegar à vitória e o PSG preferia o contra-ataque. Mas o golo tardava em aparecer. Ficou uma grande penalidade clara por marcar sobre Saviola. Mas o Benfica não baixou os braços e chegou a vitória. Jesus fez entra Jara e Aimar. E foram estes dois argentinos os obreiros do segundo golo. Aimar arrancou pelo centro do terreno e entregou a Jara que da entrada da área rematou rasteiro para o fundo das redes. Foi a alegria para todos os adeptos encarnados. Até ao fim poderia ter surgido o terceiro mas o resultado fina foi 2-1.

O jogo da segunda-mão destes oitavos-de-final realiza-se no Parque dos Príncipes, em Paris, na próxima quinta-feira, dia 17 de Março, às 18 horas.

Onze do Benfica: Roberto, Maxi Pereira, Luisão, Sidnei, Fábio Coentrão, Javi García, Gaitán (Aimar 71’), Salvio (Jara 66’), Carlos Martins (César Peixoto 85’), Saviola e Cardozo.

2 comentários:

Jotas disse...

Julgo que se pode dizer e atendendo principalmente à 1ª parte, que foi melhor a exibção que o resultado.
Nota-se claramente o défice físico em alguns dos principais jogadores do Benfica, com a necessária consequência no nível exibicional e perante isto, só uma equipa com uma alma e crença enormes, conseguiria mais uma vez virar o resultado e daí o prémio justo da vitória.
Mais uma vez, contamos com uma arbitragem desastrosas, parece sina, no entanto e atendendo as poupanças que serão feitas no jogo da Liga, creio que a equipa em França surgirá mais leve e solta e com outro nível exibicional.

Miguel disse...

Pessoal, no próximo jogo SLB - fcp vamos gritar do princípio ao fim Corruptos. Espalhem a palavra e que chegue aos NN e DV, eles ao começarem, toda a gente os acompanha. Eles viam 65.000 a gritar CORRUPTOS e os responsáveis pelo desporto veriam que nem todos são cegos e que pode ser um fenómeno tipo Geração à rasca. Facebook e todos os canais possíveis!!!